“BH em prosa e verso”

Escritores mineiros compartilham, a convite do Magazine, alguns textos cuja relação com a cidade é evocada.
Publicado no suplemento cultural do jornal O Tempo, de Belo Horizonte, no dia 12.12.2017.
Anúncios

BH 120 – Jornal “Pampulha”

Belo Horizonte está fazendo 120 anos. A repórter Lara Alves pediu meu palpite sobre a efeméride. Está na edição desta semana (8 de dezembro de 2017) do jornal “Pampulha”.

Só uma correção no texto: É a “Belo-Horizontem” de Rubem Braga.

pampulha bh 120

“Memorial do que se inventa” – Sobre os bastidores de criação de Uma Cidade se Inventa

Pensar (suplemento do “Estado de Minas”) de 8 de dezembro é uma edição que celebra os 120 anos de Belo Horizonte, a se completar no dia 12. O texto de capa é do secretário municipal de Cultura, Juca Ferreira, que discute a política cultural como meio de promoção da cidadania. Nas páginas centrais, um texto da professora de literatura brasileira Letícia Malard sobre escritores mineiros que discorreram sobre a capital em diferentes épocas. Também traz depoimentos dos escritores Fabrício Marques, Branca Maria de Paula, Jacques Fux, Jovino Machado, Simone Teodoro, Jaime Prado Gouvêa, Sérgio Sant’Anna e Carlos Herculano Lopes sobre a relação deles com a cidade e a literatura. A capa e as páginas centrais são ilustradas por gravuras do querido Paulo Giordano (1956-2017). A seção Ponto de Fuga traz quatro poemas do multiartista Ricardo Aleixo sobre a capital.

Memorial do que se inventa
Texto para o Caderno Pensar, do Estado de Minas, de 8.12.2017